Empreendedorismo feminino: mulheres no mercado!

Empreendedorismo feminino: mulheres no mercado!

No mês do Dia da Mulher, nada melhor que exaltar o empoderamento feminino, né? Segundo pesquisa realizada pelo Sebrae, entre 2014 e 2019, o aumento do número de mulheres que decidem abrir o seu próprio negócio aumentou em 124%. Esse movimento do empreendedorismo feminino cresce todos os anos e certamente têm impactos positivos no mercado nacional e internacional.
Ainda, de acordo com dados coletados pelo Global Entrepreneurship Monitor, em cooperação com o Sebrae, existem aproximadamente 24 milhões de mulheres empresárias no Brasil, sendo que o número de empreendedores homens é de aproximadamente 25 milhões.
E mais do que nunca, o empreendedorismo feminino está em alta.
Ao falar sobre Mulheres Empreendedoras, é comum que, logo de cara, liguemos o nosso pensamento às grandes empresas. Porém, é importante compreender que o empreendedorismo, em especial o empreendedorismo feminino, vai além disso, sendo considerado um empreendimento qualquer ação de negócios que seja realizado por uma mulher.
Além de abrir o próprio negócio, o empreendedorismo feminino é também uma ação de empoderamento, que traz à tona mais espaço e visibilidade para tratarmos sobre as questões de gênero que nos cerca.
Por isso, é importante observar todas as formas de empreendedorismo existentes. Uma mulher que faz bolos e vende por meio das redes sociais é uma empreendedora, assim como uma profissional de publicidade que abre a sua microempresa de design gráfico, ou um grande negócio, ou uma franquia.
É por meio do empreendedorismo que muitas mulheres encontram uma forma de se sustentar e ganhar espaço na sociedade. Existem alguns estudos que mostram que, além de as mulheres abrirem seu próprio negócio com a finalidade de gerar lucro, elas fazem isso também pela satisfação pessoal.
Startups como Alfred Delivery vem contribuindo para que esse número de empreendedoras cresça cada dia mais, entendendo que o mercado necessita dessa integração e inovação. Mulheres empreendedoras trazem uma nova visão para os negócios, e evoluem a cada dia mais o empreendedorismo no Brasil.

Um exemplo bem claro disso é a Franqueada Cris Daiane Pedroso, do Alfred Delivery Campo Verde e Primavera do Leste:
“Empreender no Brasil não é uma tarefa fácil. Iniciei minha história no empreendedorismo muito nova, no ramo de festas, onde permaneci por 10 anos. A profissão me deixava extremamente realizada, porém eu não tinha tempo para atividades simples como ir a um supermercado, fazer uma refeição para minha família, levar meu pet ao veterinário etc. O Alfred entrou em minha vida em março de 2020 após perceber que esta não era uma dor somente minha, e sim da maioria das mulheres que se dedicam a uma carreira ou a trabalhar fora e ainda precisam dar o máximo de si nas demais funções que lhes competem. Buscando um modelo que simplificasse a vida das pessoas, vi que minhas ideias iam totalmente de encontro às da franquia e foi então que junto com minha sócia Gisele Fernandes, decidimos adquirir as nossas unidades Alfred.”


Essas franqueadas são ou não um grande exemplo de empreendedorismo e sucesso, heim?!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *